Bispa Sonia ministra no Encontro de Homens de Aliança

Durante o Encontro Nacional de Homens de Aliança, realizado nesta quarta-feira (15) na Renascer Arena, a Bispa Sonia Hernandes leu a passagem bíblica de Lucas 17.1 a 19, que narra o momento em que Jesus cura dez leprosos, e falou sobre gratidão.

 

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo

 

“A lepra deixou marcas nos corpos daqueles homens. Aquelas marcas não os mataram, mas o impediam de ter uma vida normal, de conviver com outras pessoas e de desfrutar, por exemplo, de suas famílias. Às vezes, deixamos de desfrutar de certas coisas, não porque nos falta, mas porque há lepras no nosso espírito que nos impedem de avançar”, introduziu.

 

“Para você chegar ao alvo, é necessário passar por diversas fases. Para que o povo de Israel entrasse na Terra Prometida, era necessário que eles deixassem de ser escravos, que eles passassem pelo deserto, cruzassem o Jordão e vencessem uma série de dificuldades. Cada etapa foi fundamental para o processo de transformação que Deus tinha para eles”, declarou.

 

“Entre aqueles dez leprosos que foram curados por Jesus Cristo, apenas um voltou para glorificar a Jesus Cristo. Aquele homem, diferente dos outros nove, realmente soube o que aconteceu com ele. Ele deixou de ser leproso em seu espírito! Nunca podemos nos esquecer de onde o Senhor nos tirou! Por isso que nós declaramos: ‘Ebenézer! Até aqui, o Senhor nos ajudou!’. Precisamos ter o coração mais grato a Deus, porque, ainda que tenha sido um ano complicado, Ele nos supriu e nos fortaleceu. Foi um ano de superação e de vitórias! Não deixe que sua mente te traia ou que o seu coração te engane! Nunca se esqueça do que aconteceu com você!”, afirmou.

 

Na sequência, a Bispa Explicou que, para seremos completamente curados de nossas lepras, é necessário:

 

1- Abrir o coração para ser restituído;

 

“A restituição nos faz enxergar e valorizar mais ainda o que o Senhor já fez por nós, porque, para sermos restituídos, é necessário passarmos por um processo de perda. Um daqueles dez leprosos precisava entender isso”, afirmou.

 

2- Vencer a autocomiseração;

 

“Só é aprovado quem é provado!”, conscientizou.

 

3- Deixar de ser pessimista e andar pela fé;

 

4- Vencer os costumes da terra;

 

5- Enxergar em Jesus a cura e sermos gratos a Ele.

 

“A nossa oferta de gratidão coloca um ponto final no nosso ciclo de derrotas e assolações! A gratidão traz cura e libertação! Quando somos gratos, deixamos de de ser enfermos e nos tornamos uma fonte de cura!”, concluiu.

 

 

Redação iGospel

Fotos: Bruno Bros